ANBIMA - Debêntures Mantido por: ANBIMA
Ajuda | Fale Conosco | Mapa do Site
Buscar
· Registros na CVM · Emissões Instrução CVM nº 476 · AGDs e Comunicados · Notícias · Sites Úteis
Fitch Atribui Rating 'A(bra)' à Proposta de 4ª Emissão de Debêntures da Smartfit 08/04/2019


A Fitch Ratings atribuiu o Rating Nacional de Longo Prazo 'A(bra)' à proposta de quarta emissão de debêntures quirografárias da Smartfit Escola de Ginástica e Dança S.A. (Smartfit), no montante de até BRL1,34 bilhão. A emissão será realizada em quatro séries, com vencimento final em abril de 2025. Dos recursos captados, até BRL440 milhões serão destinados à recompra da segunda série da terceira emissão de debêntures da companhia e o restante ao reforço do capital de giro. A Fitch classifica a Smartfit com o Rating Nacional de Longo Prazo 'A(bra)', Perspectiva Positiva.

Os ratings da Smartfit refletem o seu forte posicionamento na fragmentada indústria de fitness de baixo custo na América Latina, apoiado na escala de suas operações, na marca forte e consolidada no setor, no modelo de negócios que tem se mostrado anticíclico e no baixo tíquete médio, que é um fator-chave para a retenção e expansão no número de alunos a médio e longo prazos. Estes fatores contribuem para reduzir os riscos de se operar em uma indústria cujas barreiras de entrada são limitadas e atuam como vantagens competitivas importantes frente os pares com operações similares. A expectativa de geração de fluxos de caixa livres (FCFs) negativos nos próximos quatro anos e o estágio de negócios em forte expansão, que ainda impõe desafios operacionais e financeiros à companhia, permanecem como fatores que limitam as classificações.

A Perspectiva Positiva do rating corporativo reflete o fortalecimento no perfil de negócios da Smartfit após a consolidação das operações na América Latina, que inclui uma relevante rede de academias no México, além de Chile e Colômbia, combinada à expectativa da Fitch de que a companhia continuará fortalecendo sua geração operacional de caixa nos próximos anos. Mesmo com o agressivo plano de crescimento, que consiste na abertura de 254 unidades de 2019 a 2021 e que deve consumir em torno de BRL1,8 bilhão em expansão e manutenção das unidades atuais, a Fitch projeta alavancagem líquida ajustada em patamar moderado, com pico de 3,7 vezes em 2019 e tendência de redução nos próximos anos. A Perspectiva Positiva contempla, também, a premissa da agência de que a Smartfit manterá satisfatória liquidez durante seu ciclo de investimentos e que reduzirá seu crescimento caso o ambiente macroeconômico e o mercado de dívidas se mostrem mais desafiadores.

PRINCIPAIS FUNDAMENTOS DO RATING

Perfil de Negócios Fortalecido: A consolidação das operações do México, Chile e Colômbia, ao longo de 2018, trouxe importante diversificação geográfica para a base de receitas e fluxos de caixa da companhia. Em bases pro forma, para 2019, em torno de 47% da rede de academias, 44% da base de alunos e 43% das receitas deverão ser provenientes das operações fora do Brasil, de países com situações macroeconômicas mais favoráveis. A escala da Smartfit na indústria, sua marca forte e consolidada e a diversificação geográfica em sete países da América Latina, ainda que Brasil e México representem 83% das receitas, são vantagens competitivas importantes que contribuem para diluir potenciais riscos da indústria. Os resultados da companhia se mostraram defensivos e as margens operacionais resilientes nos últimos anos, apesar do ambiente de negócios desafiador no Brasil.

Consistente Crescimento no EBITDAR: A Fitch acredita que a maturação da base de academias da Smartfit, combinada ao crescimento orgânico dos negócios na América Latina e a reajustes de preços periódicos, devem resultar no fortalecimento do EBITDAR nos próximos anos. A agência projeta EBITDAR
08/04/2019 [ Press Release ] Fitch Atribui Rating 'A(bra)' à Proposta de 4ª Emissão de Debêntures da Smartfit
https://www.fitchratings.com/site/pr/10068447 2/9
de BRL800 milhões em 2019 e BRL975 milhões em 2020, em bases pro forma, considerando os resultados consolidados da América Latina, frente os BRL648 milhões de 2018. As margens devem se manter fortes, próximas a 45% e com potencial de incremento à medida que as academias maduras aumentem sua representatividade. O cenário-base da Fitch prevê aumento médio anual de tíquete de 5,6% e crescimento médio anual de 14% no número de alunos até 2021, tendo como referência os 1,6 milhão de alunos ao final de 2018.

Expansão Pressiona FCF: A agressiva estratégia de crescimento orgânico da companhia, que contempla a abertura de 254 unidades na América Latina de 2019 a 2021, deve manter o FCF da Smartfit negativo nos próximos anos, com BRL256 milhões em 2019 e BRL171 milhões em 2020. O fluxo de caixa das operações (CFFO), embora crescente - projeção de BRL344 milhões em 2019 e de BRL421 milhões em 2020 - será insuficiente para financiar os investimentos de BRL1,1 bilhão no biênio 2019-2020. A Fitch projeta dividendos anuais na faixa de BRL25 milhões a BRL30 milhões nos dois anos.

Expectativa de Desalavancagem Gradual: A alavancagem líquida ajustada da Smartfit, medida por dívida líquida ajustada/EBITDAR deve se manter moderadamente alta em 2019, em torno de 3,7 vezes, com expectativa de redução nos anos seguintes, atingindo 3,3 vezes em 2020, devido à combinação entre redução na dívida financeira e fortalecimento do EBITDAR. Em 2018, este indicador era de 3,4 vezes em bases pro forma. A Smartfit possui cláusulas financeiras atreladas às suas dívidas que limitam a alavancagem, segundo cálculos próprios, em 2,5 vezes.

Indústria de Risco Moderado: A indústria de fitness é fortemente fragmentada e apresenta barreiras de entrada limitadas, o que resulta em riscos de concorrência elevados com possíveis implicações na rentabilidade. Os fundamentos de crescimento a longo prazo para a indústria, decorrentes da ainda baixa penetração do segmento fitness na América Latina em relação a mercados maduros, devem possibilitar o crescimento sustentável dos negócios da Smartfit nos próximos anos. A penetração nos principais mercados da companhia - Brasil e México - é de 4,6% e 3,2%, respectivamente, frente à média de quase 14% nos Estados Unidos, Canadá, Reino Unido e Alemanha.

RESUMO DA ANÁLISE

O rating da Smartfit se posiciona dois graus abaixo do da Guararapes Confecções S.A. (Guararapes, 'AA(bra)' (AA menos (bra); Perspectiva Positiva), devido à maior escala e ao posicionamento competitivo da Guararapes na indústria de vestuário no Brasil, à estrutura de capital mais conservadora e ao estágio de negócios mais maduro quando comparados aos da Smartfit, além do modelo de negócios parcialmente verticalizado, com operações em confecção, varejo e financiamento ao consumidor. Em relação ao rating 'AAA(bra)', Perspectiva Estável da Raia Drogasil S.A. (RD), o rating da Smartfit está cinco graus abaixo devido ao baixo risco da indústria em que a RD opera, conjugado a sua escala e aos fortes indicadores de alavancagem financeira ajustada e de liquidez.

PRINCIPAIS PREMISSAS

As principais premissas da Fitch no cenário de rating do emissor são:

-- Abertura de 84 academias próprias na América Latina em 2019 e 85 em 2020;

-- Mensalidade média de BRL83,0 em 2019 e BRL88,0 em 2020, no Brasil, e o equivalente a BRL69,0 em 2019 e a BRL73,0 em 2020, no México;

-- Desembolso de BRL133 milhões em 2019, com aquisições no Chile e Colômbia;

-- Investimentos de BRL572 milhões em 2019 e de BRL563 milhões em 2020;

-- Dividendos na faixa de BRL25 milhões a BRL30 milhões por ano em 2019 e 2020.

08/04/2019 [ Press Release ] Fitch Atribui Rating 'A(bra)' à Proposta de 4ª Emissão de Debêntures da Smartfit
https://www.fitchratings.com/site/pr/10068447 3/9
SENSIBILIDADE DO RATING

Desenvolvimentos que podem, individual ou coletivamente, levar a ações de rating positivas incluem:

-- Alavancagem financeira líquida consolidada abaixo de 3,0 vezes, em bases sustentáveis;

-- Cobertura da dívida de curto prazo pelo caixa e aplicações financeiras de, pelo menos, 0,8 vez, em bases sustentáveis;

-- Contínuo fortalecimento na geração de caixa medida por EBITDAR e CFFO, alinhado com as expectativas da agência.

A frustração ou a expectativa de não atingimento dos fatores acima poderá levar à revisão da Perspectiva do rating para Estável, de Positiva.

Desenvolvimentos que podem, individual ou coletivamente, levar a ações de rating negativas incluem:

-- Alavancagem financeira líquida consolidada consistentemente acima de 4,0 vezes;

-- Enfraquecimento material na posição de liquidez;

-- Danos reputacionais à marca Smartfit que resultem em perda relevante no volume de clientes.

LIQUIDEZ

Satisfatória Liquidez: O perfil de liquidez da Smartfit é condizente com as esperadas pressões em seu FCF. A empresa detinha robustas reservas em caixa e aplicações financeiras, de BRL709 milhões ao final de 2018, frente à dívida de curto prazo ajustada de BRL447 milhões. Os vencimentos de dívida nos próximos anos são de BRL380 milhões em 2019 e de BRL592 milhões em 2020 e deverão ser parcialmente refinanciados com os recursos da proposta de emissão de debêntures. A companhia deve utilizar um mix de dívidas e recursos em caixa para financiar os investimentos planejados, sem que isso comprometa o atual perfil de liquidez. Ao final de 2018, a dívida ajustada da companhia era de BRL2,9 bilhões e incluía em torno de BRL980 milhões em obrigações com aluguel e BRL135 milhões em obrigações com aquisições.

Pelas premissas da Fitch, a relação entre caixa e aplicações financeiras sobre as dívidas de curto prazo deve se situar de 0,8 vez a 1,0 vez nos próximos anos. A política formal de caixa mínimo da Smartfit estabelece que o caixa e as aplicações financeiras, somados à geração de caixa operacional e às linhas de crédito aprovadas, deve cobrir o serviço da dívida e os investimentos dos próximos 12 meses em, pelo menos, 1,0 vez. A Fitch considera positivo o fato de a companhia possuir flexibilidade para reduzir seus investimentos caso o ambiente macroeconômico e o mercado de dívidas se mostrem mais desafiadores.

RELAÇÃO COMPLETA DAS AÇÕES DE RATING

A Fitch atribuiu o seguinte rating:

Smartfit Escola de Ginástica e Dança S.A.

-- Rating Nacional de Longo Prazo da proposta de 4ª emissão de debêntures quirografárias, no montante de até BRL1,34 bilhão e com vencimento final em abril de 2025, 'A(bra)'.

A Fitch classifica a Smartfit com os seguintes ratings:

-- Rating Nacional de Longo Prazo 'A(bra)'; Perspectiva Positiva;

08/04/2019 [ Press Release ] Fitch Atribui Rating 'A(bra)' à Proposta de 4ª Emissão de Debêntures da Smartfit
https://www.fitchratings.com/site/pr/10068447 4/9
-- Rating Nacional de Longo Prazo da 3ª emissão de debêntures quirografárias, no montante de BRL540 milhões e vencimento final em 2021, 'A(bra)'.


Imprimir o conteúdo Visualizar impressão Fonte: Fitch Ratings
17/05/2019
Fitch Atribui Rating 'AA-(bra)' à Proposta de 8ª Emissão de Debêntures da Copel Fitch Ratings
A Sanesalto Saneamento comunica pagamento da 2ª Emissão de Debêntures B3 – Elaborado por ANBIMA
16/05/2019
Fitch Afirma Rating 'AA+(bra)' da Dasa; Perspectiva Estável Fitch Ratings
15/05/2019
A NEOENERGIA comunica Resgate Antecipado da 4ª Emissão de Debêntures B3 – Elaborado por ANBIMA
A Equatorial Energia comunica pagamento da 2ª Emissão de Debêntures B3 – Elaborado por ANBIMA
A COELBA comunica Resgate Antecipado da 9ª Emissão de Debêntures B3 – Elaborado por ANBIMA
A AES Tietê Energia comunica pagamento da 8ª Emissão de Debêntures B3 – Elaborado por ANBIMA
A Algar Telecom comunica pagamento da 5ª Emissão de Debêntures B3 – Elaborado por ANBIMA
A COMGÁS comunica pagamento da 7ª Emissão de Debêntures B3 – Elaborado por ANBIMA
14/05/2019
Fitch Atribui Rating 'AAA(bra)' à Proposta de Emissão de Debêntures da CPFL Renováveis Fitch Ratings
13/05/2019
A PBH Ativos comunica pagamento da 2ª Emissão de Debêntures B3 – Elaborado por ANBIMA
A BR Properties comunica pagamento da 1ª, 2ª, 3ª, 4ª e 5ª Séries da 12ª Emissão Pública de Debêntures B3 – Elaborado por ANBIMA
A BNDESPAR comunica pagamento da 3ª série da 6ª Emissão de Debêntures B3 – Elaborado por ANBIMA
Fitch Eleva Rating da 3ª Emissão de Debêntures da BRK Manso Para 'AA(bra)'; Perspectiva Estável Fitch Ratings
10/05/2019
Fitch Afirma Ratings da Liq em 'RD(bra)' Fitch Ratings
A Multiplan Empreendimentos Imobiliários comunica pagamento da 6ª Emissão de Debêntures B3 – Elaborado por ANBIMA
Fitch Afirma e Retira Ratings das Debêntures de Lagoa 1 Fitch Ratings
09/05/2019
Fitch Rebaixa Ratings da Liq para 'RD(bra)' Fitch Ratings
Fitch Afirma Rating da Sonae Sierra Brasil em 'AA+(bra)'; Perspectiva Estável Fitch Ratings
07/05/2019
Fitch Altera Para Negativa Observação dos Ratings da 1ª Emissão de Debêntures da CRB Fitch Ratings
Fitch Atribui Rating 'AA(bra)' à Proposta de 9ª Emissão de Debêntures da Sanepar Fitch Ratings
06/05/2019
Fitch Afirma Rating 'AA(bra)' da Primeira Emissão de Debêntures da Delta 2 Energia Fitch Ratings
Fitch Afirma Ratings da 1ª Emissão de Debêntures de Viracopos em 'D(bra)' Fitch Ratings
03/05/2019
A Termelétrica Pernambuco III comunica pagamento das 1ª, 2ª, 3ª e 4ª séries da 1ª Emissão de Debênture B3 – Elaborado por ANBIMA
Fitch Afirma Ratings da 1ª Emissão de Debêntures de Viracopos em 'D(bra)' Fitch Ratings
Fitch Afirma Rating 'AA(bra)' da Primeira Emissão de Debêntures da Delta 2 Energia Fitch Ratings
02/05/2019
Fitch Eleva Ratings da Saesa Para 'BBB-(bra)'; Perspectiva Positiva Fitch Ratings
Fitch Rebaixa Rating da 3ª Emissão de Debêntures da Econorte Para 'C(bra)' Fitch Ratings
Fitch Atribui Rating 'AA-(bra)' à 1ª Emissão de Debêntures da Cutia; Perspectiva Estável Fitch Ratings
A Elektro Redes comunica resgate total antecipado da 6ª Emissão de Debêntures B3 – Elaborado por ANBIMA
26/04/2019
Fitch Afirma Ratings 'AA(bra)' da Lojas Americanas e da B2W; Perspectiva Estável Fitch Ratings
Fitch Atribui Rating à Proposta de 2ª Emissão de Debêntures da XP Investimentos S.A. Fitch Ratings
25/04/2019
Correção: Fitch Atribui Rating 'AAA(bra)' à Proposta de Emissão de Debêntures da BR Malls Fitch Ratings
A Celpa comunica pagamento da 1ª e 2ª série da 5ª Emissão de debêntures B3 – Elaborado por ANBIMA
24/04/2019
A Petro Rio comunica pagamento da 1ª Emissão de Debêntures B3 – Elaborado por ANBIMA
A Sanesalto Saneamento comunica pagamento da 2ª Emissão de Debêntures B3 – Elaborado por ANBIMA
23/04/2019
CORREÇÃO: Fitch Afirma Ratings 'Csf(bra)' de Debêntures da Moura Dubeux e de CRIs da RB Capital Fitch Ratings
Correção: Fitch Atribui Rtg 'AA+(bra)' à Proposta de 3ª Emissão de Debêntures da Sonae Sierra Fitch Ratings
A AES Tietê Energia comunica pagamento da 1ª série da 7ª Emissão de Debêntures B3 – Elaborado por ANBIMA
22/04/2019
Fitch Atribui Rating 'AA-(bra)' à 2ª Emissão deDebêntures da MSG Fitch Ratings

« Notícias Anteriores | Próximas Notícias »

Ao obter informações através deste site você declara conhecer e aceitar os termos de exoneração de responsabilidades e de direitos autorais da ANBIMA.